Deputado Roosevelt apresenta Projeto de Lei para criar política pública de Saúde Mental para os profissionais da Segurança Pública do DF

Em uma iniciativa pioneira, o deputado Roosevelt (PL) apresentou na Câmara Legislativa do Distrito Federal o Projeto de Lei n° 867/2024, que visa estabelecer uma política abrangente de saúde mental para os servidores de segurança pública do Distrito Federal



O Projeto de Lei n° 867/2024 propõe a criação de uma política específica de saúde mental para os servidores de segurança pública do DF. A iniciativa busca endereçar os desafios e riscos psicológicos enfrentados por policiais, bombeiros e outros agentes, decorrentes de suas funções de alta pressão. 

O deputado Roosevelt destacou a importância deste projeto, afirmando: "Nosso objetivo é garantir que aqueles que protegem nossa comunidade tenham o suporte necessário para enfrentar os desafios psicológicos de sua profissão, promovendo assim não apenas a saúde mental dos nossos servidores de segurança pública, mas também a segurança e o bem-estar da população como um todo." Esta proposta marca um passo importante para o reconhecimento e a valorização do bem-estar mental dos profissionais da segurança pública no Distrito Federal.  
  
Reconhecendo os desafios únicos enfrentados por esses profissionais, o projeto propõe a criação de programas de acompanhamento psicológico, suporte emocional, prevenção de transtornos mentais, e acesso facilitado a serviços de saúde mental. 

Essas medidas buscam garantir o bem-estar físico e mental, assim como melhorar as condições de trabalho e a qualidade de vida desses servidores, que estão diariamente expostos a situações de alto estresse e risco. 

A proposta abrange diversos órgãos de segurança, incluindo Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, entre outros, e enfatiza a importância de uma abordagem integrada para o cuidado da saúde mental no ambiente de segurança pública.

Parabéns ao deputado Roosevelt pela apresentação de um projeto de lei inovador.

Edilayne Martins

"Não viva para que a sua presença seja notada, mas para que a sua falta seja sentida." (Bob Marley)

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem