Convocação para empresas demonstrarem interesse em aderir ao programa Morar DF

O Programa Morar Bem vem para solucionar uma das maiores dificuldades no momento de financiar uma moradia pelos cadastrados da Codhab, sendo o valor de entrada que precisa ser fornecido ao agente financeiro | Foto: Divulgação/Codhab-DF

A manifestação deve ser realizada via e-mail e empresas precisam comprovar regularidades por meio de documentação


Por Agência Brasília* | Edição: Saulo Moreno

A Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab-DF) está convocando as empresas da iniciativa privada interessadas em participar do Programa Morar DF, para apresentarem os empreendimentos habitacionais que podem formar demanda ao subsídio.

É necessário a comprovação da regularidade quanto à aderência ao Programa Minha Casa Minha Vida (PMCMV), nas operações de créditos realizadas com recursos do FGTS (Resolução nº 702/2012 do Conselho Curador do FGTS e suas alterações). Além disso, as unidades habitacionais precisam possuir valor de venda de no máximo R$ 350.000,00 (trezentos e cinquenta mil reais).

A manifestação de interesse deverá ser encaminhada formalmente, obedecendo ao disposto no art. 7º da Instrução nº 148/2024, para o endereço eletrônico morardf@codhab.df.gov.br, acompanhada, necessariamente, dos seguintes documentos:

– Contrato de Financiamento Pessoa Jurídica entre a empresa e a Caixa Econômica Federal de empreendimento enquadrado no Programa Minha Casa Minha Vida (PMCMV)
– Contrato Social da empresa
– Memorial de incorporação registrado
– Alvará de construção vigente
– Certidão de ônus atualizada
– Cronograma físico da obra
– Folder publicitário

Em breve a Codhab irá lançar o edital com todas as informações.

O Morar DF

Foi elaborado pela Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab) em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação do DF (Seduh). O programa tem o objetivo de auxiliar famílias de baixa renda no momento de comprar uma moradia, com subsídio de R$ 15 mil.

Ele vem para solucionar uma das maiores dificuldades no momento de financiar uma moradia pelos cadastrados da Codhab, sendo o valor de entrada que precisa ser fornecido ao agente financeiro. Em alguns casos, esse valor pode ser alto demais para algumas famílias.

*Com informações da Codhab-DF

Emerson Tormann

Técnico Industrial em Elétrica e Eletrônica com especialização em Tecnologia da Informação e Comunicação. Editor chefe na Atualidade Política Comunicação e Marketing Digital Ltda. Jornalista e Diagramador - DRT 10580/DF. Sites: https://etormann.tk e https://atualidadepolitica.com.br

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem